Em sítios

Vários escritos (poemas e contos/crônicas) daqui do Empirismo Vernacular foram publicados generosamente em sites literários, aos quais agradeço e sigo lendo e divulgando. Em especial, agredeço aos seguintes sites/pessoas:








Pô-Ética - e Tonho Oliveira (Porto Alegre/RS, Brasil)
http://po--etica.blogspot.com.br/ 

Vidráguas - e Carmen Sílvia Pressoto (Porto Alegre/RS, Brasil)

Bichodesetecabeças - e Eugênia Fraietta (Goiânia, GO - Brasil)

A Casa Que Caminha - e António Amaral Tavares (Portugal)

(In) Cultura - e Ana (Portugal)

Recomendo a leitura destes sites pelo conteúdo, e também recomendo muito mais leituras, começando por quem me segue, me acompanha, me comenta e a quem também sigo.

São os seguintes os escritos que foram publicados nos sites supracitados:

Em "Pô-Ética"
- Ode ao amor, de 22/09/2012

Em "Vidráguas"
- O conto que canto, de 16/02/2010
- Falsa tempestade, de 22/02/2010
- Poema do pecado, de 03/03/2010
- Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas... Cora Coralina, de 11/03/2010
- In verso, de 23/03/2010
- O rodopio de Carmen, de 28/02/2010
- Sabores, de 08/03/2010 (a pedido de Carmen)
- Elo suave, de 08/03/2010 (a pedido de Carmen)
- A ti, de 04/05/2010
- Bravo!, de 22/05/2010
- Pessoa poética, de 13/06/2010
- Pêndulos de Cronos, de 23/06/2010 (co-autoria com Carmen)
- Em estado, de 04/01/2011
- Silêncio, de 08/05/2010 (em 06/10/2011 por ocasião do lançamento do livro Empirismo Vernacular)

Em "Bichodesetecabeças"
- Quanto, de 23/02/2010 (na aba da direita)

Em "A Casa que Caminha"
- Falsa tempestade, de 21/02/2010
- A casa que caminha (ode a António e seu projeto literário), de 11/03/2010
- Ao rés, de 02/08/2010

Em "(In) Cultura"
- Inquisição, de 14/04/2010

Em "Em Poucas Palavras Alheias"
- Tratativa, de 06/10/2010, publicado lá em 02/12/2010

Em "Calma Serena Tranquila"
- Tempos, de 24/07/2012, publicado lá em 29/08/2012