domingo, 20 de março de 2011

Palidez




Comecei a morrer
Faz tempo
Agora vivo assim
Pálido

7 comentários:

  1. Bem,lá na outra rede comentei seria culpa da luz fria, mas agora, olhando bem, até que prefiro a palidez!!

    Não a irreversibilidade pálida da morte,mas a palidez que proporciona a beleza discreta.

    ResponderExcluir
  2. Mas ainda vives e as cores, talvez voltem com o tempo.
    Um grande bj querido amigo

    ResponderExcluir
  3. adorei a foto... é daquela árvore que eu gosto?
    o poema é forte e sua gravidade nos prende a atenção eu gosto muito disso!daqueles que predem na cabeça e sem querer repetimos no meio do dia!
    Muito bom....

    ResponderExcluir
  4. Que bom, imagem em conversa nada pálida...um beijo grande e boa semana.

    Carmen.

    ResponderExcluir
  5. Começamos a morrer no exato momento em que nascemos. Este é o ritmo da vida...

    ResponderExcluir
  6. A beleza existe em tudo - tanto no bem como no mal. Mas somente os artistas e poetas sabem encontrá-la."

    ResponderExcluir